sábado, 21 de Junho de 2014

Tudo tem um fim



Este blogue já ultrapassou aos 1000 posts. No próximo mês, o blogue faz 7 anos. Nas relações amorosas fala-se muito da crise dos 7 anos. Pelo que tem acontecido por aqui também me parece que eu e o blogue temos vivido a crise dos 7 anos. Não me tenho dedicado muito ao blogue. De vez em quando tenho feito algumas tentativas mas sinto-as como quando há uma relação que já acabou há muito tempo mas vamos fazendo tentativas para remediar as coisas. E, chega um dia, em que percebemos que já não há remédio. 
Este blogue foi muito importante para mim e, graças à sua existência, a minha vida mudou e melhorou muito nestes últimos anos. Por isso mesmo, a 2 semanas de completar 40 anos, já não reconheço aquela mulher que começou a escrever neste espaço. Continuo a acreditar no mote que serve de título "É possível ser feliz..." mas apetece começar de novo noutro lugar. Este blogue acaba aqui mas não vou apagá-lo. Quero voltar aqui para recordar os bons e os maus momentos destes 7 anos. 
Até um dia...

sexta-feira, 30 de Maio de 2014

Compras para o Verão atrasado

Ontem tive oportunidade de dar umas voltinhas por 2 catedrais do consumo que é como quem diz, dois centros comerciais. Ultimamente não ando muito dada a compras, seja pela conversa da crise ou seja porque ando menos consumista (?), a verdade é que não tenho feito grandes compras. No entanto, há coisas que até precisava de comprar, um casaco para esta altura do ano e um bikini (será que fará mesmo falta, este ano?). O problema é que poucas coisas me encheram o olho. Os casacos ou são muito caros ou muito feios - ou ambas as coisas. Os bikinis são, praticamente, todos com enchimento na parte de cima. Também que até ficava com um peito mais composto mas aquelas almofadinhas são péssimas para enxugar, experiência própria. Moral da história, não comprei nenhuma das coisas que precisava mas comprei umas coisinhas básicas que fazem sempre jeito. Já agora, elucidem-me lá - este ano é moda aumentar as maminhas na praia?!

sexta-feira, 9 de Maio de 2014

Mariza canta "O Tempo Não Pára"



Hoje é sexta-feira logo é dia de música aqui no blogue. Escolhi uma das músicas inéditas do "Best of" da Mariza. A primeira vez que ouvi esta música tocou-me de modo particular. Talvez por os 40 anos se aproximarem perigosamente, cada vez sinto mais que o tempo não pára.
Bom fim de semana. Espero que gostem. Fica aqui também a belíssima letra.

Eu sei, que a vida tem pressa 
que tudo aconteça, 
sem que a gente peça,
Eu sei,
Eu sei, que o tempo não pára, 
tempo é coisa rara 
e a gente só repara, 
quando ele já passou

Não sei, se andei depressa demais
Mas sei que algum sorriso eu perdi
Vou pedir ao tempo, 
que me dê mais tempo 
para olhar para ti
De agora em diante, 
não serei distante
Eu vou estar aqui

Cantei, 
cantei a Saudade da minha cidade 
e até com vaidade, cantei
Andei, pelo Mundo fora 
e não via a hora 
de voltar para ti

Não sei, se andei depressa demais
Mas sei que algum sorriso eu perdi
Vou pedir ao tempo, 
que me dê mais tempo 
para olhar para ti
De agora em diante, 
não serei distante
Eu vou estar aqui

quinta-feira, 8 de Maio de 2014

Bring back our girls






As redes sociais estão repletas de imagens como estas, com protagonistas mais ou menos conhecidos. Trata-se de uma campanha para chamar a atenção para a situação que se vive no norte da Nigéria. Já são mais de 200 raparigas que estão desaparecidas depois de serem raptadas por gerrilheiros islamitas. Este grupo, chamado Boko Haram, não concordam que as mulheres tenham instrução daí ter raptado estas raparigas porque frequentavam a escola. Num vídeo, o líder dos Boko Haram, Abubakar Shekau, aparece a dizer que as vai vender porque o destino das mulheres é casar e não estudar. “Deus instruiu-me para as vender”Para além disso, as raparigas também se destinam a financiar a guerrilha já que os raptores as vendem como escravas ou para casarem com outros homens igualmente ordinários (para não lhes chamar coisa pior que isto é um blogue sério) como os raptores. Também estou em dúvida sobre de quem será o maior crime, os raptores ou as autoridades nigerianas que só agora começaram a divulgar o que se estava a passar e a pedir ajuda internacional. É que o grupo maior, de 223 raparigas, já foi raptado em meados do mês de Abril. Incompreensível! Ou talvez, não. Já se especula que o Presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan ,está muito preocupado com a reeleição do que com o destino das jovens estudantes.
É por estas e por outras que é preciso continuar a lutar pelos direitos das mulheres.

quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Tempo de esperança

Gosto da Primavera, gosto do som dos pássaros, gosto dos descampados transformados em campos de vermelhas papoilas, gosto da temperatura amena. Gosto do cheiro da Primavera que é diferente do cheiro de qualquer outra estação. Gosto da natureza que desperta, pelas folhas e flores que reaparecem quando, ainda há poucos meses, estava morta. Este tempo faz-me sentir, também eu, renovada, optimista e com esperança num futuro luminoso.

quarta-feira, 16 de Abril de 2014

Encontro na mata

Fantástica obra de engenharia


Não há praia, há passeio pela mata

Tendo em conta que o namorido está de férias, eu também aproveitei para tirar uns dias. Pensava fazer os primeiros dias de praia do ano mas escolhi a semana errada. O tempo não tem estado muito agradável. Tenho aproveitado para descansar e para ir pondo as leituras em dia. 
Ontem aproveitei para fazer crepes que não tenho tempo para fazer quando estou a trabalhar mas não ficaram grande coisa já que experimentei uma receita diferente. Para a próxima, volto à receita habitual.
Esta tarde fomos dar uma caminhada pela Mata Nacional dos Medos. É sempre agradável  mas ainda mais na Primavera com os pássaros a cantar e com muitas flores silvestres junto aos caminhos. O passeio também serviu de "prospecção" para descobrir aonde há medronheiros para fazermos uma colheita daqui a uns meses. Aqui ficam algumas imagens:


segunda-feira, 14 de Abril de 2014

Vai um cafézinho?

Hoje é o dia internacional do café. Eu sou, assumidamente, viciada em café. Contra todas as expectativas, Portugal não é grande consumidor de café comparado com outros países da Europa já que bebemos "apenas" 2,2 chávenas por dia. Eu estou ligeiramente acima desta média já que bebo, pelo menos, 3 cafés por dia quando não são 4. Sempre pensei que fossemos dos maiores consumidores de café da Europa até porque o nosso café não tem nada a ver com os cafés que servem por essa Europa fora (blec).

sexta-feira, 7 de Março de 2014

Indila - dernière Danse


A música que vos deixo para animar o vosso fim de semana é uma das músicas que me acompanhou durante a minha última viagem pelos Alpes em França.
Neste vídeo pode-se ver algumas imagens de Paris, que infelizmente eu ainda não tive oportunidade de conhecer.
Divirtam-se e bom fim de semana com muito sol

quarta-feira, 5 de Março de 2014

Ainda pelos Alpes

Há qualquer coisa de extremamente tranquilizador nestas imagens






Quando me reformar compro uma casa nos Alpes como esta, por exemplo

 ou esta


mudo-me para lá e, já agora, aprendo a fazer ski. 

Também poderá gostar de

Related Posts with Thumbnails